“Como fazer funcionar Governação Integrada?” – Seminário na Fundação Gulbenkian

No passado mês de Novembro realizou-se na Fundação Calouste Gulbenkian, a apresentação do relatório "Como fazer funcionar Governação integrada no quadro do Portugal 2020?" , numa iniciativa desenvolvida pelo IPAV, com o apoio do Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional e da Fundação Gulbenkian. O relatório, cujo sumário executivo e o roteiro de ação pode ser visto aqui.

Entre os vários convidados presentes, o Secretário de Estado Pedro Lomba sublinhou que se tratou de "uma reflexão muito profunda, partindo de um documento muito completo, que identifica não só os vários fatores críticos de sucesso, mas também as condições sem as quais não é possível pôr a funcionar esses projetos". A Prof. Maria Manuel Leitão Marques, que teve a seu cargo a Sec. Estado da Modernização Administrativa e foi a grande dinamizadora da cultura "Simplex", sublinhou que na sua experiência "a integração é a palavra chave. Cada vez mais os cidadãos esperam que os serviços públicos sejam integradas pelos seus eventos de vida. Por outro lado, o Dr. Armando Leandro, enquanto Presidente da Comissão Nacional de Protecção de Crianças e Jovens em Risco, recordou que "as CPCJ são um modelo de governação integrada, baseadas na cooperação e colaboração" , caso que foi apresentado no Seminário com uma das referências mais importantes e com experiência acumulada neste domínio.

A concluir os trabalhos foi apresentado um conjunto de sugestões práticas para fazer funcionar um modelo de governação integrada e foi anunciada a criação do Forum para a Governação Integrada.

Pode ver a reportagem do evento aqui:

Lido 404 vezes