Parceria com a Universidade Católica Portuguesa já com formação em curso

No âmbito do protocolo assinado no passado mês de Julho, arrancou, no dia 7 de Novembro, o curso de "Formação Avançada em Governação Integrada: Perspetivas e Estratégias para a Intervenção em Problemas Sociais Complexos". Dezoito formandos de várias instituições (Câmaras municipais, juntas de freguesia, empresas, fundações, projetos de intervenção social,...) vão fazer um percurso de 85 horas, até final de Fevereiro, na Faculdade de Ciências Humanas, da Católica, em Lisboa.

 Como é referido na sua apresentação, "a estrutura curricular desta formação desdobra-se por 85 horas de aulas, em regime de presença obrigatória, repartidas igualmente por dez dias, a que acrescem três workshop, dedicados à construção de portefólio; sobre o novo quadro comunitário e outro sobre práticas de intervenção em governação integrada.

 O curso visa uma estruturação de uma aprendizagem que, não rompendo com os paradigmas de qualidade científica e académica coerentes com um nível de formação pós-graduada, proporcione aos adultos em formação, oportunidades e contextos para analisarem e reverem as suas práticas, valorizando a sua experiência pessoal.

 O curso de formação resulta, assim, da convergência de três aspetos essenciais:
- A defesa de uma formação de base científica balizada por referências teóricas e metodológicas fundamentadas e estruturadas em função do que significam os problemas sociais complexos;
- A estruturação de uma formação baseada no que se considera ser os pilares de suporte da governação integrada: a liderança; a participação; a comunicação (TIC); a monitorização e avaliação;
- A estruturação de uma formação baseada na análise de boas práticas, tomando posteriormente como material de base os problemas de intervenção dos formandos que servirão de ponto de partida e de ponto de chegada da própria formação."

 

 CARTAZ Governacao Integrada final-page-001

Lido 189 vezes