Prémio Nobel da Economia e governação integrada Destaque

O prémio Nobel da Economia de 2019 foi atribuído ao indiano Abhijit Banerjee, à francesa Esther Duflo e ao norte-americano Michael Kremer pela utilização de métodos experimentais para estudar quais as melhores políticas de alívio da pobreza. Para tal, colocaram a seguinte questão: "Qual a melhor forma de retirar um maior número de pessoas possível de uma situação de pobreza extrema?"

Diante deste problema complexo que é a pobreza, os economistas não tentaram uma única e grande solução, mas antes procuraram compreender, de acordo com Esther Duflo, "as raízes profundas e interligadas da pobreza”. Acrescenta ainda que: "Demasiadas vezes, os responsáveis pelas políticas generalizam sobre as pessoas em situação de pobreza”, alcançando conclusões simplistas e afastadas da realidade, uma vez que não compreendem verdadeiramente as diversas causas deste problema complexo. “O que nós fazemos é distinguir os problemas, um de cada vez, examinando-os o mais cientificamente possível”, afirma.
Através desta análise integrada, que reconhece a complexidade do problema e a multiplicidade das suas causas, dizem os responsáveis da Academia no seu comunicado, que a equipa de investigadores conseguiu “melhorar consideravelmente a nossa capacidade para combater a pobreza no globo”.

Efetivamente, perante os desafios da complexidade que enfrentamos hoje, torna-se cada vez mais premente a análise holística dos problemas sociais complexos com que hoje coabitamos. Assim, a abordagem da Governação Integrada analisa-os através de metodologias, como por exemplo, a construção do "Mapa Conceptual" - um esquema que, resultando de um processo de compreensão partilhada, permite compreender melhor as dimensões do problema, situando-nos em relação aos atores e dinâmicas inerentes à realidade estudada. Neste mapa compreendemos que as causas que identificamos para o problema, regra geral, são também consequências do mesmo, demonstrando a interdependência dos vários fenómenos, num mundo cada vez mais globalizado. O Forum para a Governação Integrada acredita que desta forma se alcançam respostas integradas e efetivamente eficazes na mitigação destes problemas.
Obrigada Abhijit, Esther e Michael!

Pode consultar este vídeo produzido no Workshop do Grupo de Trabalho Pobreza Extrema e Sem-abrigo:

WS Mapa Cognitivo da Pessoa em Situação de Sem-abrigo

direitos de autor

 Créditos Fotografia: Reprodução/Twitter @NobelPrize

 

 

Lido 148 vezes